3 de julho de 2012 | Lazer & Bem-Estar

6 dicas para quem deseja começar a correr

É importante realizar uma avaliação médica antes de começar e consultar um profissional capacitado para orientação durante os treinamentos

correndo

Foto: Corbis

A corrida tem se tornado uma prática muito comum. Seja dentro das academias ou ao ar livre, as pessoas têm se identificado cada vez mais com esse tipo de esporte.

Mas para participar de provas de rua é preciso ter um acompanhamento profissional para evitar possíveis lesões e atingir o principal objetivo – chegar ao final da prova.

De acordo com o preparador físico Jorge Reinoso Navarro alguns fatores precisam ser observados antes mesmo de começar a praticar as corridas de rua.

É importante realizar uma avaliação médica antes de começar e consultar um profissional capacitado para orientação durante os treinamentos. “Pessoas com doenças cardiovasculares e com doenças degenerativas dos membros inferiores, como por exemplo, artrose de quadril, joelho e tornozelo não devem praticar corrida de rua, salvo algumas exceções devidamente orientadas por médicos ou professores”, explica Rodolfo.

Correr proporciona vários benefícios como perder peso, controlar colesterol, pressão arterial, entre outros. “É bom para o corpo e para a mente, não tem limite de idade para praticar e sempre é hora de começar”, afirma o preparador.

Essa é uma atividade física que pode ser realizada por pessoas de qualquer idade. Para as crianças o ideal são provas com distâncias menores. Já para quem está na terceira idade o melhor é conciliar o treinamento de corrida com musculação para fortalecer a musculatura.

O professor dá algumas dicas para quem deseja começar a praticar essa atividade física.

  1. Faça uma avaliação física antes de iniciar a atividade.
  2. O programa de treinamento deve ser progressivo (de acordo com o seu nível de condicionamento físico).
  3. Faça alongamentos antes e depois da corrida.
  4. Intercale a corrida com outras atividades aeróbias (em dias alternados), para não se fadigar com a corrida.
  5. Use roupas e calçados apropriados para corrida.
  6. sempre o acompanhamento de um profissional de educação física, nutricão e de um médico especialista em Medicina Esportiva.

Leia mais em: ,
Comente!

  •  
Confira
Newsletter

Cadastre-se abaixo e receba os artigos do site em seu e-mail!

Quem Somos | Fale Conosco | Política de Privacidade | Criação de sites
Copyright © 2010 Vida e Equilíbrio. Todos os direitos reservados. 2nd