11 de maio de 2012 | Saúde

Crianças devem tomar duas doses da vacina contra a gripe

Segunda dose deve ser aplicada um mês depois da primeira, para crianças a partir dos seis meses e menores de dois anos que estão participando pela primeira vez da campanha de imunização

criança com alergia/gripe

Foto: Corbis

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo faz um alerta: as crianças paulistas entre seis meses de idade e menores de dois anos deverão tomar duas doses da vacina contra a gripe. A segunda dose deverá ser aplicada um mês após a primeira.

A medida vale para crianças que estiverem participando pela primeira vez da campanha de imunização, neste ano. Crianças que já foram levadas aos postos de saúde na campanha de 2011 só precisarão receber uma dose neste ano.

Iniciada no último sábado, a campanha de vacinação contra a gripe vai até o próximo dia 25. Além das crianças, a imunização vale para idosos com 60 anos ou mais, gestantes, profissionais da saúde e indígenas. a Secretaria pretende imunizar contra a gripe 5,3 milhões de paulistas, número correspondente à meta de 80% dos 6,6 milhões de pessoas que compõem o público-alvo da campanha.

Desde sábado foram vacinados 965,4 mil pessoas em todo o Estado, das quais 637 mil idosos com 60 anos ou mais, 222,8 mil crianças a partir dos seis meses e menores de dois anos de idade, 64,5 mil gestantes, 40,8 mil trabalhadores da saúde e 1,5 mil indígenas.

Além de imunizar a população contra a gripe A H1N1, tipo que se disseminou pelo mundo na pandemia de 2009, a campanha também irá proteger a população contra outros dois tipos do vírus influenza: A H3N2 e B.

Para garantir abrangência da vacinação, a campanha conta com mais de 7 mil postos de vacinação, entre fixos e volantes, além de 3,5 mil veículos, 32 ônibus e cinco barcos. Ao todo serão 41,6 mil profissionais da área da saúde, estaduais e municipais, envolvidos na ação.

“É muito importante que as crianças retornem aos postos para tomarem a segunda dose da vacina, pois só assim elas estarão totalmente imunizadas e protegidas contra as complicações decorrentes da gripe, como as pneumonias”, diz Helena Sato, diretora de imunização da Secretaria.

Os postos de saúde vão abrir das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira, até o dia 25. Na capital as salas de vacina das rodoviárias do Tietê e da Barra Funda também abrirão aos sábados e domingos, das 8h às 20h. Em razão da reforma em sua sala de vacinação, o Instituto Pasteur, na avenida Paulista, não participará da campanha deste ano.

Leia mais em: , ,
Comente!

  •  

Confira
Newsletter

Cadastre-se abaixo e receba os artigos do site em seu e-mail!

Quem Somos | Fale Conosco | Política de Privacidade | Criação de sites
Vida e Equilíbrio | (11) 5539-7227 | Av. Gen. Ataliba Leonel, 93 - Conjunto 94 - 02033-000 - São Paulo (SP) 2nd