16 de maio de 2012 | Lazer & Bem-Estar

Mudança de temperatura eleva alergias oculares

A problemática pode atingir qualquer pessoa, principalmente crianças e adolescentes.

olho

Foto: Corbis

Com a chegada do outono e a proximidade do inverno, é comum o aumento das alergias respiratórias, mas o que pouca gente sabe é que este período também propicia o aumento de casos de alergias oculares. A problemática pode atingir qualquer pessoa, principalmente crianças e adolescentes e quem faz o alerta é o oftalmologista Ricardo Sampaio, da Clínica CRS, de Santo André.

Normalmente as alergias oculares são sintomáticas e se caracterizam por coceira, irritação, lacrimejamento, desconforto ocular e maior sensibilidade à luz (fotofobia), apresentando um aumento importante no número de casos em períodos de pouca chuva devido a piora da qualidade do ar em razão da poluição.

Segundo o especialista, em toda alergia o tratamento não é curativo, mas é possível melhorar os sintomas prescrevendo colírios antialérgicos e lubrificantes, fazendo com que o paciente possa retornar às suas atividades diárias rapidamente. “Os sintomas de alergias oculares são muito parecidas com a conjuntivite, por isso é importante procurar um oftalmologista para receber o diagnóstico correto”, acrescenta Sampaio.

Leia mais em:
Comente!

  •  
Confira
Newsletter

Cadastre-se abaixo e receba os artigos do site em seu e-mail!

Quem Somos | Fale Conosco | Política de Privacidade | Criação de sites
Copyright © 2010 Vida e Equilíbrio. Todos os direitos reservados. 2nd